Oracle Cloud Blogger Day – Dia 2

 

Dando continuidade ao 1º OCI Blogger Day que ocorreu nos dias 14 e 15 de maio, dessa vez agora com a pauta do segundo dia do workshop.

A agenda foi a seguinte:

 

Abrindo o evento nos tivemos o Adriano Guiné falando sobre os tipos de storage da OCI. Assuntos como block volume, object storage e file storage foram apresentado pra nós. Um destaque aqui para o block storage já que no momento que fazemos o deploy dele na OCI, assim como uma instância de VM, ele também deve ser provisionado dentro de um availabity domain.

Depois disso nós tivemos novamente a presença do Guilherme Simões. No primeiro dia Guilherme falou sobre networking, já dessa vez ele fala sobre load balancer. Balanceadores de carga nada mais são do que um método de fazermos um balanceamento de acesso dentre os servidores web que temos disponíveis na OCI. Sendo assim nós criamos um load balancer no meio de 2 servidores Linux que estavam rodando apache. Dessa forma o acesso ora se dava no servidor 1 ora no servidor 2.

Eis que finalmente chega a vez de falarmos sobre banco de dados da Oracle. Estou falando do autonomous dabase para isso a Erika Nagamine teve a vez da palavra. O banco de dados autônomo digamos que seja um banco em forma de SaaS. Sendo assim não precisamos provisionar uma instância de um sistema operacional Linux por exemplo, para fazer o deploy de um banco de dados Oracle. Basta Apenas provisionar um autonomous database. Além disso a OCI oferece toda a camada de acesso ao banco, ou seja, podemos acessar ele através de um Oracle SQL Developer ou até mesmo configurarmos um ambiente de desenvolvimento com o APEX (Oracle Aplication Express).

Chegando no meio do 2º dia de evento o grande Raphel Campelo falou sobre user interfaces, ou seja, os métodos que temos pra interagir com a OCI. Basicamente temos 3 modos de acessar a nossa estrutura da Oracle que são o dashboard web da OCI, por mobile ou por command line. Lembrando que para acessar e provisionar infraestrutura como código na Oracle, é preciso utilizar o Terraform.

Eis que agora temos novamente a palavra com o Valdecir Carvalho. Ele apresentou a estrutura do Oracle Cloud VMware Service. Parceria essa entre essas duas fabricantes que te permite levar o seu ambiente VMware para dentro da OCI.

Depois disso o Val manteve a palavra para falar sobre como podemos levar um blog para dentro da estrutura da Oracle. Lembrando que o modo free tier da OCI te proporciona subir duas pequenas máquinas virtuais inteiramente gratuitas. Então dependendo o tamanho do seu blog, você pode mater ele rodando dentro de uma das melhores estruturas de cloud e ainda por cima de graça.

Como última apresentação nós tivemos grande Gilson Melo falando sobre Container Engine for Kubernetes (OKE). Através do OKE é possível ter um ambiente completo de containers com o Kubernetes. Gilson inclusive provisionou alguns containers dentro da estrutura da OCI durante a apresentação.

E foi dessa forma que terminou o OCI Blogger Day. Para finalizar novamente o Weligton Pinto deu uma palavra com todos os envolvidos sempre de uma maneira muito confortável e amigável. É difícil trocar uma ideia com o WP sem ter a vontade de sair utilizando todas as funções e benefícios que a OCI oferece.

 


 

Então foi isso, o 1º Oracle Cloud Infraestructure Blogger Day foi muito proveitoso nos seus 2 dias de evento. Gostaria de deixar aqui me agradecimento a toda equipe da Oracle Brasil por terem me convidado a participar.

Mateus Wolff

Meu nome é Mateus Wolff e trabalho com TI desde de 2009. Sempre gostei de tecnologia num geral, mas me identifiquei na área no momento em que vi a importância de uma boa infraestrutura nas corporações. Me considero um generalista. Atuo de forma holística trabalhando em ambientes de TI de ponta a ponta. De redes a virtualização, de servidores a firewall’s. Tenho as certificações ITIL e Cloud Computing. Estou estudando graduação em redes de computadores. Sou apaixonado por heavy metal e adoro gatos e tatuagens.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *